PROCEDIMENTOS CIRÚRGICOS DO HOMEM
Copyright © Clínica Reviver Francis Bacon. Self Portrait. 1972. | Reviver©Arte

BIOPLASTIA DA FACE

(Preenchimento facial)
(Cirurgia plástica sem cortes)

Mais informações
Dúvidas freqüentes


As áreas de estética médica vem evoluindo rapidamente, tanto no exterior quanto no Brasil, um de seus principais centros. Os médicos destas especialidades precisam se reciclar freqüentemente sob o risco de se tornarem obsoletos, tal a velocidade dos progressos. Assistimos a revolução do LASER, da lipoescultura, da cosmiatria, dos preenchimentos, etc. Agora uma nova evolução começa a ocorrer. Seu nome é Bioplastia - A plástica sem cortes, que pode ser aplicada no rosto e no corpo.

Por não apresentar cortes, não necessitar grandes anestesias, pelo retorno imediato as atividades e, principalmente pelos bons resultados, a Bioplastia trás para a estética facial e corporal a mesma tendência que se observa em todos os campos da medicina, os tratamentos minimamente invasivos.

A Bioplastia tem muitas aplicações que podem ser divididas em 3 grandes áreas:

I- A BIOPLASTIA QUE REALÇA

A Bioplastia pode criar ou aumentar as linhas de beleza na face, aumentando a área malar e definindo a mandíbula. A Bioplastia pode também modificar o nariz e o queixo. O que é realmente importante é uma relação equilibrada entre todas as estruturas da face. Um balanço que inclui o nariz, o queixo, o malar e a área mandíbula.

Este é o tipo de Bioplastia que Realça a Beleza. Torna mais bonito o que já é bonito, e oferece melhor harmonia facial e corporal para quem não foi geneticamente favorecido. A Bioplastia pode também aumentar o volume dos lábios, arrebitar discretamente o nariz, corrigir discretas imperfeições e assim melhorar mais a aparência.

II- A BIOPLASTIA QUE REJUVENESCE

No processo de envelhecimento, tanto a superfície da pele quanto as camadas mais profundas que formam a cobertura da face se alteram. Surgem rugas, sulcos e a temível flacidez. Ocorrem dobras de pele e perda da definição da mandíbula, com a pele do rosto se confundindo com a do pescoço. Surge a desagradável papada de pele flácida sob o queixo.

A Bioplastia para o rejuvenescimento age restabelecendo volumes e corrigindo sulcos e rugas. Como parte do processo, os sinais de beleza são criados ou restabelecidos, permitindo uma melhora da aparência. A Bioplastia não concorre com a cirurgia que deve ser utilizada para tratar os excessos de pele. Cabe ao cirurgião plástico a avaliação. Outros métodos também podem ser utilizados complementarmente, como a cosmiatria, a toxina botulínica, o laser e os peelings, sempre de forma minimamente invasiva, a fim de recuperar e manter a sua auto estima.

III- A BIOPLASTIA QUE CORRIGE

A Bioplastia Corretiva pode corrigir pequenas e médias alterações inestéticas como a ponta do nariz caída, o queixo retraído, imperfeições do dorso do nariz, lábios muito finos, mandíbulas sem angulação e sem definição e outras alterações.

É possível aumentar o queixo com uma forma mais larga, engrossar os lábios, redefinir a mandíbula e corrigir pequenas depressões da face e mesmo retificar o dorso e arrebitar o nariz.

Ao estudarmos as linhas que dão harmonia e beleza a face, percebemos que os homens considerados bonitos no Mundo Ocidental têm algumas características em comum:


Copyright © Clínica Reviver
  • Uma região malar e zigomática discretamente proeminente.
  • Uma mandíbula bem marcada com ângulo tendendo ao reto. A mandíbula bem marcada ajuda a formar um discreto efeito blush.
  • Queixo largo e bem proporcional.
  • Nariz proporcional e retilíneo.
  • Balanço e equilíbrio entre o malar, a mandíbula, o queixo e o nariz.








Estas características são bem conhecidas na indústria da moda. Muitos modelos são escolhidos baseados nelas. Também são traços observados freqüentemente entre artistas de sucesso, para quem a beleza facial é muito importante.

COMO SE FAZ:

O procedimento é rápido e indolor. A técnica é ambulatorial, o que significa que não é necessária internação. Todo o tratamento é realizado sob anestesia local, sem necessidade de sedação. Não há cortes e nenhuma restrição ou contra-indicação. A exposição ao sol deve ser evitada por um período de 2 a 3 dias.

O material utilizado neste procedimento é o PMMA, ou metancrilato, uma substância utilizada em medicina desde 1950. Trata-se de um gel não-protéico que, inclusive, melhora a produção de colágeno, retardando o envelhecimento da pele.

Logo após passar pelo procedimento, o paciente já pode sair, sem precisar de internação. Os minúsculos furinhos são cobertos por um esparadrapo antialérgico, que é retirado em dois dias.

Para amenizar a dor e o inchaço são realizadas compressas frias, além do uso de analgésicos leves e antiinflamatórios por alguns dias.




Copyright © Clínica Reviver